SEMPRE DIARIANDO: Junho 2016

29 de junho de 2016

Florescer

Eu nasci 10 dias antes da primavera mas no mês dela, e mesmo não sendo essa estação sempre existem flores ao nosso redor...

Sou apaixonada por flores desde pequenininha, e brinco com meu namorado dizendo que só namorei com ele por causa do buquê de flores.

Nesse São João fui para o interior, Mucugê, que até falei dele no post anterior e por todo lugar que eu andava tinha flores, então resolvi fotografa-las e compartilhar essa mistura de cores e beleza com vocês:



















Espero que o dia de vocês tenha ficado mais colorido, beijinhos e até!!!!

20 de junho de 2016

Meus Lugares Preferidos Na Chapada Diamantina

Enfim, férias!!! Final de semestre é uma agonia só, mas agora é tempo de descansar, e quando falo em descanso sempre me vem esse lugar na cabeça, e coincidência ou não, estou escrevendo daqui: Chapada Diamantina.



Desde pequena venho para cá, principalmente na época de São João que é um frio que só... Mas esquecendo o frio, vou contar para vocês meus três lugares preferidos aqui.

1. Mucugê



Na verdade, esse é o meu lugar preferido no mundo, gente, sou apaixonada por essa cidade. Ela é pequena, super aconchegante, e pra quem gosta de frio o lugar é esse... Eu praticamente cresci nela, minha primeiras amizades se formaram lá e levo elas até hoje comigo. Quase todo São João vou para lá. É um lugar rico de natureza, com pessoas incríveis, e aonde você esteja lá sente a paz junto com você. 


2. Pratinha




Eu amo lugares de águas cristalinas, e quando conheci a Pratinha me apaixonei. O lugar é realmente encantador, parece que saímos desse mundo e entramos em um mundo encantado. Lá tem como você andar de caiaque, fazer mergulho submerso nas grutas de águas cristalinas, slackline e tirolesa, é um pouco afastado das cidades mas o passeio vale muito a pena.


3. Morro do Pai Inácio



Gente, até hoje não sei como tive coragem de subir até lá.... Brincadeirinha! Quando cheguei no topo da montanha entendi o significado de chegar até lá. É um contato surreal que tive com a natureza no topo daquela montanha, é uma sensação que só sentindo para entender melhor. Ah, e o nome do morro é por conta dessa lenda.


Enfim gente, espero que tenham se interessado e quando forem na Chapada se aventurem por esses lugares, beijinhos e até!!!!